Peregrinação da Família Salesiana a Fátima, 18 e 19 de Maio


No fim-de-semana, 18 e 19 de Maio realizou-se a 61ª. Peregrinação Nacional da Família Salesiana ao Santuário de Fátima. Este foi um acontecimento de Graça.

Parafraseando o nosso reitor-mor, Padre Pascual Chávez, “ O Salesiano Cooperador descobre na Virgem Imaculada e Auxiliadora o aspeto mais profundo da sua vocação: ser verdadeiro cooperador de Deus, na realização do Seu desígnio de salvação”

https://www.youtube.com/watch?v=dvfXVQV5DkA

Num ano pastoral que se iniciou com a presença das relíquias de Dom Bosco e termina com a presença do seu sucessor, esta peregrinação foi um autêntico testemunho vivo de Fé. O 9º. Sucessor de D. Bosco, Pe. Pascual Chávez peregrinou connosco até ao Altar do Mundo – Fátima. Não nos podemos esquecer que o grande amor a Maria (a Jesus Eucaristia e ao Santo Padre) foi uma das devoções que marcaram a vida espiritual e apostólica de D. Bosco.

Depois do encontro com os Salesianos, na Casa de Nossa Senhora das Dores, o reitor-mor reuniu com os jovens dos “Encontros de D. Bosco”.

 

Chegados a Fátima, perto das 10:00, o grupo dos Salesianos Cooperadores do Monte Estoril meditou na paixão, morte e ressurreição de Jesus, através da Via-sacra. As 15 estações ajudaram-nos a percorrer um caminho espiritual e a compreender melhor a pessoa de Jesus e o seu grande amor por nós.

 

A tarde do dia 18 de maio foi preenchida pela festa do Movimento Juvenil Salesiano que teve lugar no auditório do Centro Paulo VI. Foi um momento único de arte e fé. Os jovens através da sua alegria genuína de seguidores de Jesus abrilhantaram a tarde pastoral.

 

Pelas 17:00, a família Salesiana desfilou em direção à Capelinha para a saudação a Nossa Senhora que foi presidida pelo Pe. Pascoal Chávez. O Reitor-Mor saudou todos os peregrinos e rezou pedindo a Nossa Senhora a “alegria de viver a sua mensagem, guiando-nos com a força do Espírito, para a Festa da Páscoa eterna”.

De seguida, presidiu à Eucaristia na Basílica da Santíssima Trindade, onde participaram salesianos, jovens, membros dos grupos da Família Salesiana e simpatizantes do fundador dos salesianos, S. João Bosco.

Outro momento alto da nossa peregrinação: a procissão das velas. A meditação dos mistérios do terço foi um momento de oração coletiva.

Após a procissão das velas, a peregrinação salesiana foi marcada durante a noite pela Vigília de Oração na Basílica do recinto sob o tema : “Na intimidade com Deus”.

Antes de terminar a sua visita a Portugal, O Reitor Mor marcou encontro com a Família Salesiana e simpatizantes.

Um encontro entusiasta e cheio de desafios. Para além de exortar a alegria como dever de um cristão que acredita que Jesus venceu a morte para que sejamos alegres e nos regozijemos n’Ele, proferiu que “estar triste não é ser cristão”.

Dom Pascual Chaves, neste encontro deixou-nos 5 propostas:

  1. Defesa da vida – significa também que aqueles que vivem em estado de pobreza precisam da nossa solidariedade. Não devemos concordar com as políticas que defendem a morte. A vida é-nos dada por Deus. Só Ele no-la pode tirar.
  2. Promover a família – Neste momento estamos a assistir na Europa a vários modelos de família. A família é a primeira célula da sociedade. A família, chamada “Igreja doméstica” por João Paulo II está muito ameaçada.
  3. Apostar na educação – como arte de formar as pessoas. O educador é aquele que ajuda a educar. Os primeiros educadores são os pais. Hoje há uma geração de filhos que vivem pior do que os pais quando eram jovens.
  4. Assumir a fundo a nova evangelização convidando-nos a viver a vida cristã sob duas perspetivas: Vir e Ir, ser testemunhas, da mesma forma que Jesus nos olhou, chamou e nos amou. A Europa é terra de missão!
  5. Promover vocações. Toda a nossa vida é um dom de Deus. A vocação nasce da oração. A cultura vocacional é importante porque estamos a perder a busca do sentido pela vida.

Foi desta forma brilhante que terminou o encontro do Reitor-Maior com a Família Salesiana e simpatizantes.

Que Deus nos ajude com garra e entusiasmo a pôr em prática estas propostas/desafios que o Reitor-Mor nos lançou.

De fato, com a presença de D.Pascual Chávez tivemos D. Bosco, bem vivo!

Com Nossa Senhora, em sua casa, celebramos a solenidade de Pentecostes, presidida por D. Joaquim Mendes, bispo auxiliar de Lisboa.

 

Esta 61ª.peregrinação foi uma autêntica manifestação da fé da Igreja e um modo significativo da Nova Evangelização. A presença de Dom Pascual Chávez encheu os nossos corações e foi um convite a reavivar o dom do carisma salesiano. Reitero a alegria de pertencer à grande família de D. Bosco!

Maria José Barroso

 

Peregrinação da Família Salesiana – um peregrino especial

Este ano a Família Salesiana peregrinou a Fátima na sua 61ª Peregrinação Nacional, nos passados dias 18 e 19 de Maio. Esta peregrinação teve um peregrino muito especial para toda a Família Salesiana, o Reitor-Mor, Pe. Pascual Chávez.

 

Terá sido esta presença especial que motivou os milhares de peregrinos a fazer esta caminhada de fé até Fátima neste fim-de-semana de tempo invernal? Cada um saberá qual a sua motivação, mas, certamente, uma grande parte quis estar perto do 9º sucessor de S. João Bosco.

 

Prova disso, foi o encontro que decorreu no auditório Paulo VI e o momento de alegria efusiva quando Pascual Chávez entrou neste espaço, totalmente repleto para presenciar este momento. Também em comunhão com o Movimento Juvenil Salesiano – foi grande a Festa, bem ao jeito salesiano, com muita música, Alegria e excelente participação de jovens e crianças.

No final, o momento bem aguardado, a intervenção do Reitor-Mor que, com a sua simplicidade e amabilidade, nos convida a refletir sobre a mensagem do espetáculo que tínhamos acabado de testemunhar – “A Alegria é um dom de Deus que vem do coração; não posso ser feliz sem ser amado; em Fátima vivemos um dos grandes momentos em que a Santíssima Virgem educou e continua a educar os filhos e filhas de Deus …e que bom significa sermos amados e acolhidos”. Não fosse a educação a base dos ambientes salesianos, um realce para a sua importância que tão lindamente o Reitor-Mor enfatiza como uma arte de sermos pessoas humanas, ricas de valores, com sentimentos nobres, com ideais elevados e com talentos próprios. Neste contexto, Maria mãe e mestra nos ensina a descobrir a nossa vocação e numa Europa destabilizada, só os que tiverem uma capacidade de enfrentar os desafios conseguirão alcançar o seu caminho.

Foi com esta mensagem de esperança que o Reitor-Mor nos deixou, o tempo já urgia pois já era aguardado para presidir e saudar os peregrinos na Saudação a Nossa Senhora, na Capelinha das Aparições, às 17h00, contando também com a presença da Provincial das Salesianas, Irmã Maria das Dores Rodrigues, e toda a Família Salesiana.

Pelas 18h00, o Reitor-Mor presidiu ainda à Eucaristia, na Basílica da Santíssima Trindade, com a presença de toda a Família Salesiana, MJS e demais amigos, benfeitores e simpatizantes das Obras Salesianas.

 

Foi, sem dúvida, um momento muito especial nesta caminhada peregrina, poder estar com toda esta grande Família, neste momento de gratidão, a Maria que nos acolhe, a Dom Bosco pelo Seu Dom grandioso que nos levou a percorrer este caminho, a todos os que trabalharam na organização desta Peregrinação e, com um carinho especial, ao Padre Pascual Chávez que caminhou connosco durante este dia em Fátima. Resta-nos dizer, tal como a criança que se despediu do Reitor-Mor numa das suas viagens, ‘É muito bonito que existas’!

Equipa da Comunicação das Salesianas

 

FOTOGALERIA – PEREGRINAÇÃO DA FAMÍLIA SALESIANA 2013

Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial
Peregrinação da Família Salesiana - um peregrino especialPeregrinação da Família Salesiana - um peregrino especial

Últimas notícias

%d bloggers like this: