«No princípio era o Verbo e o Verbo estava com Deus e o Verbo era Deus» (Jo 1, 1)


Natal, é tempo para acolher Jesus que na simplicidade de um Presépio, nos faz entrar na profundidade do mistério e da beleza de Deus, que desce até nós e nos dá o dom maior – o Seu Filho Jesus.

Jesus Menino, na pobreza de uma gruta, é luz, esperança para quem não encontra espaço para ser acolhido, amado, compreendido!

Ele é a luz que brilha nas trevas!

A discreta Luz do Natal é a única que pode dissipar, verdadeiramente, as nossas trevas, os medos, a falta coragem e audácia para anunciarmos com alegria a Boa Nova do Evangelho.

O Verbo era a luz verdadeira… (Jo 1,9) Deixemo-nos tocar pela Sua luz, pela grandeza infinita de Deus, que se revela nos simples, nos pequenos, nos que tem um coração aberto, disponível para O acolher e viver na profundidade a fé que nasce do encontro com Jesus. Encontro que nos faz sair do nosso comodismo, do egoísmo, da nossa cegueira e abre os olhos do nosso coração para sairmos  ao encontro dos outros e  anunciar a alegria do nascimento de Jesus,  irradiar a luz de Belém a todos os que encontrarmos no caminho.

Natal, é a festa da família, da partilha e do reencontro, onde o calor do Presépio e o exemplo da Família de Nazaré, faz reacender a esperança nas famílias, chamadas a serem sentinelas do amor de Deus, vivido na entrega e na doação no seio familiar.

Que neste Natal as nossas famílias sejam luzeiros de paz, de autenticidade, alegria, esperança e solidariedade. Que Jesus ocupe o lugar central no seio da família.

Desejo um Santo e Final Natal, com os mais abundantes dons de Deus para toda a Família Salesiana e Comunidade Educativa.

Santas Festas Natalícias!

%d bloggers like this: