Com os jovens da Galiza a peregrinar para Fátima…


Os dias 16 e 17 de Maio poderiam muito bem ter sido mais um fim-de-semana de mais uma Peregrinação da Família Salesiana a Fátima, mas não o foram para o grupo de 11 jovens do Centro Social Nossa Senhora de Fátima. Este ano, pela primeira vez, puderam, de um modo diferente, participar na 57ª edição desta peregrinação, ao integrarem as actividades do Dia do Movimento Juvenil Salesiano, sentindo e partilhando muito da vida e alegria entre os jovens que fazem parte deste grande movimento juvenil. ‘Brilhai como Astros’ foi o mote para esta aventura de descoberta que se iniciaria com uma caminhada, da Batalha a Fátima, não fosse pela muita chuva que nos brindou na manhã de Sábado. Todos ficaram um pouco tristes por não se ter realizado, mas a prudência falou mais alto. Rumamos, assim, de autocarro para Fátima, para o Centro Paulo VI, onde se realizou a maior parte das propostas de actividade do dia.  O Pe. Juvandes, responsável pela Pastoral Juvenil dos Salesianos, deu as boas-vindas às centenas de jovens presentes e, com os vários animadores dos grupos de jovens provenientes das diversas casas das Filhas de Maria Auxiliadora e dos Salesianos, desenvolveram-se alguns jogos, numa caminhada de reflexão sobre a vida de São Paulo.

No inicio da tarde, no auditório principal do Centro Paulo VI, num ambiente de grade festa, música e alegria, foi feita a apresentação dos trabalhos e entrega de prémios do concurso de “D. Bosco, uma Estrela”, uma iniciativa da Pastoral Juvenil dos Salesianos e Salesianas. Foi tempo também para ouvir a Irmã Alaíde Deretti, Visitadora das Filhas de Maria Auxiliadora, de passagem por Portugal, que visivelmente manifestou uma grande alegria por poder estar ali entre os jovens. Um dos pontos altos do dia foi certamente o musical “Porque me persegues”, um espectáculo com muitos ‘astros’, vindos dos MJS das Oficinas de São José. Um trabalho realmente fantástico, centrado na vida de São Paulo, envolto de muita alegria, música e do forte empenho de cada um dos seus intérpretes e de toda a equipa envolvida. Depois de recuperar forças no jantar no Centro Paulo VI, e, para os mais resistentes do dia, ainda conseguimos estar na vigília nocturna, em conjunto com toda a Família Salesiana, na Basílica do Santuário.

No Domingo, talvez para os nossos ‘astros’ da Galiza, e também para nós, animadoras, era aguardado com grande expectativa o momento da celebração da Eucaristia e o podermos caminhar junto dos jovens do MJS num cordão de comunhão; comunhão com quem está ao nosso lado, com D.Bosco e Domingos Sávio que não tiraram os olhos de nós, e com todos os que caminham com os jovens que precisam de carinho, de amor e de se sentirem acolhidos. Foi um momento de louvor a Deus, a Maria – Mãe e Mestra, a D.Bosco, a Madre Mazzarello, às Irmãs Aurinda, Maria de Jesus, Elvira e, com um carinho e saudade muito especiais, à Irmã Teresa Valinho que também esteve muito presente, por toda uma vida dedicada a estes e a todos os jovens que acarinhou durante o seu caminho. Gostaríamos também de agradecer à Irmã Adélia, Irmã Alzira e à Linda, pela sua presença fraterna e por todo o carinho para com o grupo de jovens da Galiza, fazendo com que os nossos ‘astros’ brilhassem também entre todos os outros.

Maria José Martins e Filomena Pires

Centro Social Nossa Senhora de Fátima, Galiza

Últimas notícias

%d bloggers like this: